Saiba tudo sobre Elden Ring

Um dos jogos mais aguardados de 2022!

Após quase 2 anos desde seu anúncio na E3 2019, Elden Ring finalmente recebeu seu primeiro trailer de jogabilidade e trouxe algumas novidades sobre suas mecânicas, plataformas e data de lançamento oficial, agora vamos conferir tudo o que sabemos sobre o game.

O que é Elden Ring?

Elden Ring é o mais novo projeto da From Software, desenvolvedora liderada por Hidetaka Miyazaki, e responsável por “criar” o subgênero de RPG apelidado de Souls-Like, jogos de RPG que utilizam de mecânicas como a morte repetitiva e dificuldade elevada.

Anunciado durante a E3 2019, Elden Ring teve início de suas produções após a última DLC de Dark Souls 3, The Ringed City, que foi lançada em março de 2017, ou seja, cerca de 4 anos de desenvolvimento.

O chefão da divisão Xbox, Phill Spencer, afirmou já ter testado uma parte considerável do projeto e revelou que o game se encontra em um estado avançado de desenvolvimento.

A Saga Soulsborne

Os jogos antecessores criados pela From Software e Hidetaka Miyazaki foram apelidados de “Saga Soulsborne”, sendo eles Demon’s Souls (Exclusivo de PS3), Dark Souls, Dark Souls 2, Dark Souls 3, Bloodborne (Exclusivo de PS4) e embora o ganhador do Game of The Year 2019, Sekiro: Shadows Die Twice, não seja oficialmente classificado como um Soulsborne, ainda sim vale apena mencionar.

Após o sucesso estrondoso da franquia Soulsborne, que revolucionou o mercado de RPG’s de ação, inúmeros projetos se basearam no subgênero Souls-Like, como Nioh, Code Vein, The Surge, Lords of The Fallen, dentre outros.

História

Elden Ring está sendo desenvolvido em uma parceria entre o lendário Hidetaka Miyazaki e George R.R. Martin, ninguém menos que o criador da saga Crônicas de Gelo e Fogo e do seriado Game of Thrones.

O game recebeu uma sinopse oficial em seu site, e aparenta ser mais enigmática que as histórias dos outros games da empresa. Confira:

“A Ordem Dourada foi quebrada. Levante-se Manchado, e seja guiado pela graça para empunhar o poder do Anel Elden e se tornar um Senhor Elden das Terras Intermediárias.

Nas Terras Intermediárias governadas pela Rainha Marika a Eterna, o Anel Elden, fonte do Erdtree, foi destruído.

A descendência de Marika, todos semideuses, reivindicaram os fragmentos do Anel Elden conhecidos como As Grandes Runas, e a mácula louca de sua recém descoberta acabou desencadeando uma guerra: O Estilhaçamento. Uma guerra que significou o abandono pela Grande Vontade.

E agora a orientação da graça será trazida aos manchados que foram rejeitados pela graça do ouro e exilados das Terras Intermediárias. Vós, mortos que ainda vives, vossa graça há muito perdida, sigam o caminho para as Terras Entre além do mar nebuloso para ficar diante do Anel Elden.

E se tornar o Senhor Elden.”

Mecânicas e Gameplay

Elden Ring promete levar a experiência dos Dark Souls para outro nível. O game contará com um mundo aberto, algo nunca visto antes nos games da From Software, além de trazer inúmeras mecânicas novas, como uma montaria para ajudar no deslocamento ao longo do cenário.

O combate se assemelha bastante ao que já foi visto em Dark Souls e Sekiro: Shadows Die Twice, trazendo algumas mecânicas de volta, como o pulo, rolamento e esquiva, modo stealth e cooperativo online.

O jogo também conta com um modo de criação de personagem, além do retorno de inúmeros equipamentos e armaduras épicas, armas lendárias e magias que vão ajudar durante os combates contra chefes e inimigos.

Além dos cenários abertos, podemos esperar masmorras e lugares fechados, assim como muitas armadilhas e chefes complexos e extremamente poderosos, gerando combates difíceis, que vão requerer muita paciência e habilidade por parte dos jogadores.

Inspirações

Por fim, vale ressaltar que a história do game será inspirada em algumas mitologias como a Nórdica, o que já podemos notar no trailer ao avistar uma árvore gigante no fundo do cenário, o que faz uma clara referência a Árvore da Vida nórdica, a Yggdrasil.

Mesmo assim, não espere um jogo completamente focado na mitologia nórdica, já que a desenvolvedora acaba focando mais na criação de um universo original, deixando apenas referências e easter eggs, como no caso de Dark Souls, que possui uma forte inspiração no mangá Berserk.

O jogo também parece ter se inspirado em outros games, como o vencedor do The Game Awards 2017, Zelda: Breath of The Wild e até mesmo Shadow of the Colossus, já que conta com diversas áreas e inimigos épicos e enormes que caminham pelo imenso cenário aberto, além dos já consagrados games da empresa.

Elden Ring parece uma mistura de todos os jogos anteriores da empresa, com algumas adições inéditas como montaria e mundo aberto, o que empolga e muito, os fãs da “franquia”.

Plataformas e lançamento

Elden Ring chegará aos consoles de nova e antiga geração, sendo eles Playstation 4, Playstation 5, Xbox Series X/S e PC’s, no dia 21 de janeiro de 2021.

O que achou das novidades e dos detalhes da nova obra de Hidetaka Miyazaki? Também está empolgado para o lançamento? Comenta aqui!

Sobre o autor

Bruno Rebello
Amante dos games, cultura Geek e tecnologia. Também sou jornalista, skatista, rockeiro, caçador de troféus e conquistas e nas horas vagas, eu participo do Conselho da Ordem Jedi.

RELACIONADOS

PUBLICIDADE

-Advertisement-

COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE

-Advertisement-

PUBLICIDADE

LANÇAMENTOS

Redes Sociais

20,381FansLike
984FollowersFollow
2,897FollowersFollow

PUBLICIDADE

-Advertisment-

PARCEIROS VERIFICADOS

PUBLICIDADE

-Advertisment-

ACOMPANHE NO FACEBOOK

CONSOLES