Decodificando: Fallout 76 após 76 horas de jogo! É difícil lidar com o que está acontecendo

Decodificando: Fallout 76 após 76 horas de jogo!

Fallout 76 quando foi anunciado eu já estava esperando algo bastante experimental já que o elemento de multijogador se tornaria um problema grande para o desenvolvimento do jogo, sempre em games online as empresas enfrentam muitos problemas como exploração de falhas, jogadores que usam de programas maliciosos para ter vantagem em relação ao outros, perseguição de jogador a jogador e assedio negativo entre os jogadores tornando a experiência algo insuportável.

Antes do Lançamento
Fallout 76
Fallout 76 – Explorando com os habitantes do Vault (Minha expectativa.)

Bem antes do lançamento eu tive a oportunidade de assistir ao documentário do No Clip mostrando os bastidores de Fallout 76 e isso me deu uma perspectiva de que o novo jogo da franquia era algo novo e que poderia dar errado, o elemento de multi-jogador forçaria o jogo a ser adaptado para fazer sentido com a jogabilidade, eu não tinha expectativas altas principalmente por saber que jogos de MMO ou cooperativos não podem ter missões muito complexas.

Toda a visão do que é Fallout 76 no momento foi descrita pelo time de desenvolvimento e todos os envolvidos no projeto onde os servidores iriam suportar dezenas de jogadores, elementos de sobrevivência, dezenas de itens para construção e modificação, flexibilidade com o C.A.M.P podendo ser colocado onde quiser e tudo que temos no jogo atualmente.

Depois do Lançamento
Fallout 76
Fallout 76 – Explorando com os habitantes do Vault. (Minha realidade.) / P.S.: Eu sou o cadaver da Armadura Potente.

O lançamento de Fallout 76 foi um dos mais problemáticos e polêmicos dos últimos anos, talvez por ser um momento importante na história dos jogos eletrônicos onde as praticas das empresas tem se tornado injustas com os consumidores, o novo Fallout não está pronto para o lançamento e deveria ter sido lançado em Acesso Antecipado o que seria perfeito para a visão que a Bethesda apresentou sobre o jogo.

É bastante divertido a jogabilidade sendo afetada gravemente pelos bugs, glitches e problemas de conexão com o servidor, isso tudo será consertado com o tempo e o jogo ainda explorará seu enorme potencial como jogo de multijogador no mundo de Fallout.

O que tem de ruim?

Fallout 76

  • Missões principais e secundárias apresentaram bugs que impediam o progresso dos jogadores, eu sofri com estes bugs como todos os jogadores.
  • Defeitos visuais desde cenários agindo de forma estranha a monstros parados em posição inicial de animação, também alguns problemas visuais na morte deles.
  • Muitas vezes os inimigos ficavam simplesmente parados sendo atacados e sem qualquer reação, somente depois de muito tempo que eles reagiam.
  • Limitações foram um grande problema principalmente com os baú nos C.A.M.P que tem limite de 400 de peso, é preciso ficar gerenciando o que se guarda no baú.
  • Falta de sistemas básicos de configuração como Push-to-Talk, configurações de Menu como campo de visão e inúmeros outros que eu configurei manualmente para rodar o jogo como eu queria.
  • Tivemos missões brilhantes mas tem algumas que são burocráticas demais e são entediantes, talvez seja apenas parte do tema do jogo que é automação.
  • Não posso falar sobre performance já que eu customizei, mas após as atualizações melhorou um pouco, mas ainda pode melhorar pra ficar mais estável.
  • Instabilidade dos servidores, principalmente em grandes eventos, como quando alguem lança um bomba nuclear ou simplesmente somos desconectados porque o servidor cai.
O que tem de bom?

Fallout 76

  • O mapa é inacreditável, um personagem por si próprio, cada lugar é super interessante de explorar com visuais fantásticos de ficção científica.
  • O sistema de C.A.M.P é um sonho pra qualquer jogo com elementos de “Caixa de Areia” (Sandbox) porque pode ser colocado em qualquer local, com a nova atualização ele vai melhorar bastante e se tornar mais flexivel em relação ao ambiente.
  • Customizações de armas, armaduras e do acampamento possuem uma variedade muito grande, o dobro ou o triplo de opções que devem ser coletadas, compradas e ganhas em missões ou eventos.
  • O melhor jogo de mundo compartilhado para jogadores que querem jogar online e não querem ter que lidar com o comportamento toxico de outros jogadores, a comunidade tem sido bastante amigavel com todos que se aventuram pelos Apalaches.
  • O combate foi bastante melhorado em relação ao Fallout 4, e as batalhas contra os monstros lendários são realmente intensas.
  • Lançar bombas nucleares é realmente algo interessante, dentro da área se torna um inferno porque você enfrentará monstros fortes e a Rainha dos Monstros Chamuscantes.
  • Algo que tem um potencial grande são as Oficinas que você pode reinvidicar para coletar recursos, você pode deixar coletando enquanto explora o mundo, de vez em quando você deve voltar para defende-la de monstros ou até mesmo outros jogadores.
  • Monetização justa e que estimula o jogador a jogar, os Atomos que são a moeda que podem ser compradas por dinheiro podem ser conseguidas fazendo missões diarias, semanais e completando conquistas.
  • O novo sistema de talentos é muito divertido, você usa cartas que podem ter seus niveis aumentados, você pode trocar elas enquanto joga tendo como limite seu atributo de S.P.E.C.I.A.L; é bastante flexivel.
O que pode melhorar?
  • Trabalhar no polimento do jogo, principal na interface, inteligencia artificial dos inimigos, melhorar o sistema de C.A.M.P e lançar novas histórias.
  • A possibilidade de escolher servidores com parametros como Interpretação, Jogar contra Jogador, Jogador contra Ambiente e adição de modificações.
  • Melhorar as recompensas de monstros e balancear a construção (crafting) porque para um jogo de sobrevivencia nós acabamos tendo muito abundancia de certas coisas.
  • Lançar novas histórias com novos personagens em West Virginia, novos monstros, novas armas, novas cartas e tudo que for de acordo com a lore de Fallout.
  • O aguardado recurso de realocar os pontos de S.P.E.C.I.A.L para que possamos construir “builds” de acordo com nosso modo de jogar; o sistema de cartas é divertido e complexo ao mesmo tempo.
  • Para fazermos nossas “builds” vamos precisar de um sistema de “loadouts” onde você salva as configurações de cartas a serem usadas em cada situação, esse sistema novo de talentos exige muito isso.
  • Sistema onde o jogador ao ser desconectado reconecte no mesmo servidor em até 10 minutos com tudo que ele estava fazendo no mesmo ponto, muitas coisas são exploradas com isso de sair e entrar de novo para resetar, e ajudaria as oficinas a serem mais disputadas e uteis durante uma sessão de jogo.

Eu me diverti bastante com Fallout 76 apesar de tudo, é um jogo que foi lançado de forma prematura mas que tem um potencial enorme, dentro de meses ele se tornará o que deveria ser com ajuda da comunidade que está a todo momento dando sugestões e postando suas histórias com outros jogadores.

Gostou do artigo? Compartilhe!
Share on Facebook
Facebook
Google+
Google+
Tweet about this on Twitter
Twitter

Sulean "Nymphetamine" Moura

Sulean "Nymphetamine" Moura

Gamer desde os 5 anos, começando pelo Megadrive com Sonic, passando pelo Super Nintendo, Playstation até chegar no PC, hoje me dedico aos RPG's e a escrever sobre jogos.

Ver perfil de Sulean "Nymphetamine" Moura →

Comentários

Publicidade

Publicidade